Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Conceição do Mato Dentro e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura Municipal de Conceição do Mato Dentro
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social YouTube
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
NOV
18
18 NOV 2022
CULTURA
PERSONALIDADE DE CONCEIÇÃO: CEIÇÃO PEIXOTO, A ADMIRÁVEL ZELADORA DA IGREJA DO ROSÁRIO 
enviar para um amigo
receba notícias


CMD, SEXTA-FEIRA 18.11.2022 - "O importante não é o que se dá, mas o amor com que se dá" (Madre Teresa de Calcutá). Dizem que o amor é o ingrediente principal para tudo na vida. Basta observar dona Ceição Peixoto, seja no cuidado com a Igreja de Nossa Senhora do Rosário ou com a sua família para sentir o quanto ela coloca amor em tudo que faz. Em reconhecimento a sua história de vida que é um exemplo e, sobretudo, por zelar do nosso patrimônio, hoje ela estará na série Personalidade de Conceição.

Conceição Peixoto de Carvalho conhecida como Ceição Peixoto, nasceu no dia 24 de dezembro de 1944, em Conceição do Mato Dentro, no distrito de Itacolomi. “Sou filha dos saudosos Francisco Mariano e Ilidia Peixoto e irmã do Bruno, da Nilva, do Fernando, do Pedro, do Marcos, da Neise e do Francisco. Tivemos uma infância tranquila, meu pai era torneiro e fabricava móveis para vender e minha mãe professora. Como toda família, também tínhamos algumas dificuldades, mas éramos muito felizes”, recordou dona Ceição Peixoto.

Aos 9 anos de idade, ainda menina, dona Ceição Peixoto precisou ter postura de adulta, pois passaria um período longe dos pais para estudar. “Na época, em Itacolomi, não tinha escola para as crianças maiores, então eu vim para a cidade morar com uma tia e concluir meus estudos. Minha mãe era professora em Itacolomi e com o tempo foi transferida para a cidade, aí minha família se mudou para a sede”, pontuou acrescentando que morando com sua tia concluiu o antigo Ginásio, formando-se assim o curso que hoje é chamado de Pedagogia, em 1965.

Pouco tempo após se formar, em 1966, começou a trabalhar como professora e, logo, foi convidada para trabalhar na Escola Estadual Mestre Sebastião Jorge onde lecionou até se aposentar. “Eu amava a sala de aula, como era bom aquele tempo, sou apaixonada pela profissão de professora. Passei por momentos desafiadores, mas também por muitas alegrias e satisfação em poder contribuir com a formação dos conceicionenses”.

Voltando ao passado, dona Ceição Peixoto relembra que aos 12 anos de idade conheceu seu falecido esposo José Carlos. “Ele também saiu da roça e veio morar aqui, começamos a conversar, era uma amizade bonita a princípio, conforme fui ficando moça começamos a namorar. Após 11 anos estávamos subindo ao altar! Construímos uma linda família de 4 filhos: Zé Carlos Filho, Ana Claudia, Luiz Fernando e Karoline. Posso afirmar que é uma família muito especial, uma bênção em minha vida. Hoje todos são casados e sou avó de 7 netos maravilhosos”.

Dona Ceição Peixoto conta que com muita alegria ajudava o saudoso Sr. Zé Carlos na criação dos filhos. “Não era fácil, no início do casamento eu pensava que não daria conta, mas Deus foi me ajudando e capacitando. No segundo dia casada, meu esposo voltou a trabalhar em uma cidade vizinha, eu senti uma solidão imensa. No entanto, fui acostumando, ele ficava lá e vinha alguns dias de folga e eu aqui, os filhos foram chegando e nós dois lutando pela família. Além de trabalhar na escola, eu dava aula particular e fazia enxovais por encomenda para vender. Reformar a casa era o meu sonho, então todo dinheiro que entrava se tornava uma ajuda necessária”, se emocionou dizendo que cuidou dos filhos com valentia por 25 anos, até que o Sr. Zé Carlos se aposentou e pôde ficar em casa se dedicando à família.

Os cuidados com a Igreja de Nossa Senhora do Rosário sempre foi uma postura admirável de dona Ceição Peixoto. “Cuido da comunidade cristã e da Igreja de Nossa Senhora do Rosário como se fosse a minha própria casa, há muitos anos, tenho um imenso prazer com essa função. Cuido desde a limpeza até o enxoval! Agradeço a Deus por tudo e peço saúde para continuar cuidando da casa de seus fiéis. Sou muito grata por tudo!”, finalizou.

Essa é uma singela homenagem da Prefeitura de Conceição do Mato Dentro à dona Ceição Peixoto, a quem agradecemos por cuidar com dedicação e amor de um dos patrimônios mais importantes de nosso município: a Igreja de Nossa Senhora do Rosário. A história de dona Ceição, sem dúvidas, inspira a muitas mulheres.

PREFEITURA DE CONCEIÇÃO DO MATO DENTRO
JUNTOS POR UM NOVO TEMPO
Autor: PREFEITURA DE CONCEIÇÃO DO MATO DENTRO
Local: CONCEIÇÃO DO MATO DENTRO
Seta
Versão do Sistema: 3.2.10 - 11/01/2023
Copyright Instar - 2006-2023. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia